OS PIORES ERROS DA MODA (QUE TE DEIXAM MAL VESTIDA)

É bastante comum as mulheres cometem alguns erros na hora de se vestir. Esses erros deixam a mulher mal vestida e são graves porque causam um prejuízo relevante na imagem pessoal.

Você acha que se vestir bem é algo fútil? Não perca esse vídeo, tocando AQUI, porque eu vou te explicar tudo o que eu penso sobre moda ser sinônimo de futilidade.

Não observar as proporções

Cada pessoa tem suas medidas naturais de busto, quadril, pernas, etc., que devem sempre ser levadas em conta na hora da escolha de uma peça para não haver desequilíbrio visual.

Ignorar as proporções da silhueta e utilizar peças com desproporções culminam em um visual sem equilíbrio e feio esteticamente.

Não observar os volumes

Quando abordamos proporção, falamos sobre uma peça em relação a outra e sobre o formato do corpo, mas também devemos notar como o volume interfere na nossa imagem.

Temos como exemplo o uso de um blazer. Muitas vezes colocamos um blazer para compor o look, mas nem sempre esse elemento ficará legal no visual porque, em muitos casos, um volume a mais, que já está inserido, pode brigar com o blazer e causar estranheza estética.

Deve-se sempre observar como esses volumes estão dispostos para que o visual esteja harmônico.

É importante verificar a interação entre as peças de um look para evitar volumes indesejados, isto é, como uma peça vai se comportar perto da outra – e não apenas olhar a peça isoladamente.

Além disso, é preciso ter noção do formato do corpo e da distribuição dos pesos visuais para não errar na escolha das peças.

Querer usar tudo o tem de uma vez

É muito comum a pessoa querer usar tudo o que tem de uma vez, a exemplo de um batom de cor forte, jaqueta diferente, calça com brilho, etc., e isso gera uma imagem com muita informação. Todo visual deve ser construído com inteligência para ser equilibrado.

Um look bonito e elegante é aquele em que seus elementos combinam entre si e, para isso, deve-se analisar as peças e o corpo como um todo.

Investir no sapato da moda sem analisar bem

Temos o costume de comprar o sapato da moda sem analisar as características da peça antes. O sapato é um elemento que tem o poder de indicar o nível social e o estilo de vida da pessoa.

Ao verificar um sapato em determinado look pode-se concluir, por exemplo, se a pessoa é mais ligada em conforto ou se é mais séria.

Achar que é só copiar um look que viu na internet que vai ficar bem

Não basta simplesmente copiar um look que viu na internet para ficar bonita e elegante porque cada pessoa tem o seu formato de corpo, distribuição dos pesos visuais, estilo de vida e peças no guarda-roupas

Os looks da internet devem apenas servir de fonte de inspiração para adaptá-los à sua realidade. Replicar uma inspiração sem analisá-la e ajustá-la torna a pessoa sem personalidade e com o visual desarmônico.

Aprender a analisar e a adaptar algo que se achou bonito na outra pessoa é algo essencial para se vestir e se sentir bem.

Assista esse vídeo no meu canal do Youtube para entender que estar na moda não é estar elegante, tocando AQUI.

Achar que só porque algo é caro é bom e de bom gosto

Não é porque algo custou muito dinheiro que vai ser bom para a sua imagem pessoal e você vai ficar bonita. Da mesma maneira, não é porque algo é caro e de marca que é de bom gosto e você vai ficar bem vestida.

Na imagem abaixo temos um colar grande de diamantes com pérolas, mas que esteticamente não é bonito. Esse colar é chique por ser caro, mas não é elegante porque não possui estética agradável:

Ter senso estético é que faz com que a pessoa não fique com cara de mal vestida, independentemente se a peça é da Chanel ou de uma loja de departamento.

Achar que só porque chegou a uma determinada idade não pode se vestir de maneira atual.

Só porque uma pessoa chegou a determinada idade não quer dizer que não pode mais se vestir de forma atual. A idade pode trazer algumas restrições, mas não é um completo limitador.

Com a maturidade (tanto da idade quanto da transformação do corpo), passamos a ter um olhar diferente sobre as peças, mas não existe proibição.

Hoje em dia, a moda é muito mais acessível e o que se deve levar em conta é o estilo pessoal, o ambiente que se frequenta, a comunicação que se quer passar com a imagem, dentre outros elementos.

Achar que é só colocar um jeans

A correria do dia a dia e a insegurança ou falta de criatividade faz com que o jeans seja a escolha mais prática, mas muitas vezes detona o visual.

O jeans pode deixar a nossa imagem completamente sem graça e com a sensação de que todos os dias usamos a mesma coisa. Uma peça de tecido, por exemplo, faz um look ser muito mais elegante.

Achar que a sua imagem não afeta a sua vida

É um grande erro achar que a sua imagem pessoal não afeta a sua vida. A sua imagem tem sim grande influência em todos os aspectos da sua vida (relacionamentos, profissão, financeiro, etc.).

Você não terá a mesma percepção no trabalho se você for, por exemplo, uma pessoa que passa a imagem de sobriedade e elegância comparado a uma pessoa que transmite a mensagem de excesso de sensualidade ou despojamento.

É essencial ter conhecimento acerca da sua imagem para repassá-la da maneira correta e ter um retorno positivo, isto é, ter resultados de acordo com o que você deseja.

A mulher que não possui qualquer tipo de senso estético é fadada a cometer erros na hora da montagem dos seus looks e fica com cara de mal vestida corriqueiramente.

Adquirir confiança através do conhecimento é essencial para se fazer boas escolhas e se tornar uma pessoa segura para dizer “não” para peças que todo mundo acha que são maravilhosas porque simplesmente estão na moda.

Para saber mais sobre esse conteúdo, toca AQUI e assista uma live sobre os piores erros da moda.

Beijos,

Manu.

PS.: Se você não quer mais cometer esses erros que te deixam mal vestida, inscreva-se no meu curso Bem Vestida Sempre para aprender a ter uma imagem elegante e estilosa, tocando AQUI.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: